Pesquisar este blog

sexta-feira, 20 de janeiro de 2017

Gálatas 1:15-16

Gálatas 1:15-16 - Mas, quando aprouve a Deus, que desde o ventre de minha mãe me separou, e me chamou pela sua graça, Revelar seu Filho em mim, para que o pregasse entre os gentios, não consultei a carne nem o sangue.
QUANDO APROUVE A DEUS. O ministério de Paulo foi uma escolha direta de Deus por meio de Cristo. Quando se faz um estudo criterioso e se consulta a opinião de boa parte dos comentaristas bíblicos sobre este assunto. Percebe-se, ainda que indiretamente que havia um certo ressentimento da parte de Paulo pelo fato de que os apóstolo não esperaram um pouco na escolha daquele que tomou o lugar de Judas Iscariotes. Há que diga que o grupo apostólico foi precipitado neste caso. Talvez se tivessem esperado um pouco mais, Paulo e não Matias seria o escolhido.

QUE DESDE O VENTRE DE MINHA MÃE. Não foi Paulo que escolheu ser um apóstolo de Cristo nem um importante missionário enviado por Cristo aos gentios. Também não foi o grupo apostólico quem o designou como um dos principais líderes da igreja primitiva como fundador de comunidades cristãs. Antes mesmo do seu nascimento Deus já tinha preestabelecido a sua missão em prol do reino de Cristo, assim como aconteceu com Jeremias 1:5 - Antes que te formasse no ventre te conheci, e antes que saísses da madre, te santifiquei; às nações te dei por profeta.

ME SEPAROU. Esta é uma expressão que representa uma chamada específica da parte de Deus na vida de Paulo. O Senhor o tirou do judaísmo e o levou para o cristianismo a fim de ser um mensageiro do reino de Deus e de Cristo. Conforme ficamos conhecendo no texto anterior, Paulo era extremamente dedicado a sua religião, todavia veio a ter um encontro com Cristo que o tornou um instrumento importante para anunciar as boas novas de salvação aos gentios.

E ME CHAMOU PELA SUA GRAÇA. A palavra graça significa em termos cristãos um favor não merecido. Com isso o apóstolo termina reconhecendo que estava onde estava e era quem era porque o Deus de misericórdia teve compaixão dele o e chamou de forma amorosa. Tudo partiu de Deus que o elegeu como um embaixador do seu reino na terra. Ninguém é digno desta chamada, tudo provem de Deus.

REVELAR SEU FILHO EM MIM. A vida que Paulo vivia em torno das coisas do reino de Deus era um testemunho vivo de que Cristo estava presente em sua vida. Ele teve o privilégio de receber a iluminação maior do que até mesmo os demais apóstolos sobre a pessoa bendita de Cristo Jesus o filho de Deus. Com o dom que Deus lhe conferiu, o apóstolo tinha facilidade em convencer tanto a judeus quanto a gregos de que Jesus de Nazaré era o Messias de Deus prometido nas Escrituras.

PARA QUE O PREGASSE ENTRE OS GENTIOS, NÃO CONSULTEI A CARNE NEM O SANGUE. Paulo neste ponto do seu escrito revela a finalidade de sua chamada que era pregar a Cristo entre os gentios. A maioria dos apóstolos que faziam parte do grupo dos doze ficaram como que satisfeitos em servirem a igreja no seu próprio país, Israel. No caso do apóstolo Paulo que foi chamado um pouco mais tarde, ele tinha uma missão mais abrangente em levar o plano da salvação além das fronteiras de Israel. Ele foi enviado as demais nações do mundo civilizado de então.

Nenhum comentário:

Postar um comentário