Pesquisar este blog

domingo, 15 de janeiro de 2017

Gálatas 1:6

Gálatas 1:6 - Maravilho-me de que tão depressa passásseis daquele que vos chamou à graça de Cristo para outro evangelho.
MARAVILHO-ME DE QUE. Neste ponto de sua missiva aos Gálatas o apóstolo começa uma nova secção de sua narrativa falando a respeito da vulnerabilidade dos cristãos que estavam na região da Galácia e sobre a inconstância deles no evangelho. Além de reivindicar a autoridade divina do seu apostolado e de sua doutrina. E ele dá início as suas advertências demonstrando a sua admiração e espanto no comportamento dúbio que apresentava a igreja cristã naquele local, para quem ele escreveu.

TÃO DEPRESSA. Ao que tudo indica Paulo esteve à bem pouco tempo naquela região pregando a sua doutrina e visitando as comunidades cristãs. E ele deixa transparecer que quando lá esteve tudo se encontrava em perfeita ordem as coisas. Mas, foi só o apóstolo se afastar e “tão depressa” os inconstantes Gálatas apresentavam comportamento duvidoso da sua permanência naquilo que aprenderam. Essa rapidez na mudança comportamental dos gálatas causou impacto em Paulo.

PASSÁSSEIS. Este verbo, que é um verbo de ação, revela a mudança drástica e significativa que aconteceu ou estava ocorrendo na igreja cristã da Galácia. Isso representa a mudança de uma situação melhor para uma degradante, em termos da admiração que causou no apóstolo. Enquanto eles estavam sendo acompanhados e doutrinados pelo missionário e ensinador da nova aliança, “Paulo”, estava tudo bem, no entanto, de repente com a ausência do pregador das doutrinas de Cristo, eles se afastaram dos mandamentos recebidos.

DAQUELE QUE. “Daquele” diz respeito de Deus. Antes eles estavam de conformidade com a soberana vontade do Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo. Cumprindo e vivendo de conformidade com os mandamentos da nova aliança de Deus com os homens, a nova dispensação. Enquanto Paulo estava no meio deles, o que prevalecia eram os planos de Deus na vida de cada um deles. Viviam e andavam nos caminhos do Senhor em plena obediência aos seus estatutos e aos seus decretos.

VOS CHAMOU À GRAÇA DE CRISTO. Paulo traz a lembrança da igreja de Cristo sobre a importância que se deve dar a chamada de Deus. Eles não foram chamados simplesmente por uma instituição religiosa nem pelo próprio apóstolo, a chamada deles foi uma chamada superior, foram chamados por Deus. E foram chamados para dentro da graça de Cristo, isso quer dizer que eles não mereciam este chamamento para o reino de Deus, mas por um favor não merecido é que foram escolhidos.

PARA OUTRO EVANGELHO. Este outro evangelho é o evangelho deturpado ou modificado conforme as ideologias de quem prega. Nos dias atuais o que mais tem são divulgadores deste outro evangelho. Porque o evangelho verdadeiro é acima de tudo Cristocêntrico. O evangelho verdadeiro fala sobre o Cristo de Deus e da nova aliança da graça divina. E conforme o contexto desta carta, ficamos sabendo que na região da Galácia estava sendo pregado um evangelho legalista, com probabilidade de retorno a legislação de Moisés.

Nenhum comentário:

Postar um comentário