Pesquisar este blog

sexta-feira, 21 de outubro de 2016

1 Timóteo 6:1

1 Timóteo 6:1 - Todos os servos que estão debaixo do jugo estimem a seus senhores por dignos de toda a honra, para que o nome de Deus e a doutrina não sejam blasfemados.
TODOS OS SERVOS. Nos dias de hoje, quase que não existem estes tipos de servos, a não ser na ilegalidade, quando em alguns países os regimes políticos permitem o domínio de um ser humano sobre outro, nas nações totalitaristas de regimes fechados. Todavia, no tempo da igreja primitiva, era permitida pelas leis da época, a existência de escravos, como sendo das classes sociais mais pobres da sociedade. Os servos eram aqueles escravos que não tinha liberdade social, uma vez que viviam na escravidão humana.

QUE ESTÃO DEBAIXO. Esta é uma frase que representa o estado de rebaixamento social daqueles que pela sua condição social estavam condenados ao sofrimento para a vida toda. Até mesmo aqueles que faziam parte da igreja de Cristo, porque Jesus falou que dos pobres é o reino de Deus, os servos ganhavam a liberdade da alma, mas continuavam como escravos dos seus senhores. O escravo não tinha os mesmos direitos que um cidadão comum, Sua condição social não lhe dava direitos, mas só obrigação.

DO JULGO. Este julgo era justamente o contrato de compra e venda em que o Senhor de escravos tinha para provar que era o dono de tal escravo. Triste dizer que na época em que esta carta foi escrita, a desumanidade humana permitia o domínio deliberado de um ser humano sobre o outro, com a compra de uma pessoa por dinheiro. Bom é saber que o julgo foi quebrado e que o ser humano pode ser pobre, porem não escravo de outrem.

ESTIMEM SEUS SENHORES. Para que houvesse paz entre os escravos e seus senhores é que o escritor faz esta recomendação a todos aqueles que faziam parte da igreja de Cristo, mas que ainda eram da classe social dos escravos. O apóstolo aconselha aos irmãos que eram servos, que eles tivessem por seus senhores respeito e consideração para que os seus senhores tivessem compaixão deles e não sofressem ainda mais.

POR DIGNO DE TODO HONRA. O que o escritor está recomendando é que os servos de Cristo fossem obedientes ás regras, ainda que injustas da época. O foto de alguém se converter ao cristianismo, não mudava de repente sua condição social, quem era escravo, tinha a obrigação de continuar submisso ao regime de escravidão estabelecido pelo Estado e pelas tradições da época. Honrar neste caso é sinônimo de obedecer.

PARA QUE O NOME DE DEUS. Quando alguém se convertia ao cristianismo, ele passava a ser observado em todos os aspectos de sua vida. No caso dos escravos, se eles não obedecessem aos seus senhores, eram duplamente acusados de rebelião, e com isso eram castigos de forma mais severa possível. O fato era que, quando os ímpios castigavam os servos de Cristo, assim procediam blasfemando do nome de Deus.

NÃO SEJA BLASFEMADO. Mas, se os servos de Cristo fossem obedientes aos seus senhores, cumprindo assim, as regras estabelecidas pelos patrões, evitariam que o nome do Senhor fosse blasfemado. Muitas vezes os servos de Cristo eram provocados pelos seus patrões para terem a oportunidade de acusarem os seus escravos de serem desobedientes somente porque eram cristãos, e com isso, blasfemavam do cristianismo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário