Pesquisar este blog

sexta-feira, 21 de outubro de 2016

1 Timóteo 6:5-6

1 Timóteo 6:5-6 - Contendas de homens corruptos de entendimento, e privados da verdade, cuidando que a piedade seja causa de ganho; aparta-te dos tais. Mas é grande ganho a piedade com contentamento.
CONTENDAS DE HOMENS. Nos textos anteriores, o autor contesta contra os inimigos do cristianismo, porque eles tudo faziam para tentar atrapalhar o crescimento da igreja, buscando confundir a mente dos fracos na fé, para que se desviassem dos caminhos do evangelho das boas novas. Mas, tais movimentos contrários, não passavam de contendas de homens carnais, que estavam sendo usados pelo diabo e os demônios, contra o reino de Cristo, contra a igreja do Deus vivo e contra o verdadeiro cristianismo.

CORRUPTOS DE ENTENDIMENTO. Todos aqueles que se infiltravam no meio da igreja para contender com os verdadeiros líderes da igreja eram pessoas que tinham seus entendimentos corrompidos pelo engano de satanás e pelas mentiras heréticas do paganismo. Quando alguém tem sua mente corrompida pelo engano e por interesses próprios, suas intenções são deturpadas, e seus objetivos na igreja passam a ser outros.

PRIVADOS DA VERDADE. Um coração corrompido e uma mente com más intenções leva a qualquer um a morte de sua consciência. Por isso que muitos começam bem na igreja, e chegam até ao ministério, porem, depois que a hipocrisia toma conta da sua alma, tal pessoa fica privada da verdade. Com isso, tal indivíduo entra pelo caminho do engano, tentando ludibriar ao seu próximo, enganando até mesmo a si próprio, menos a Deus.

CUIDANDO QUE A PIEDADE SEJA CAUSA DE GANHO. Os falsos líderes do cristianismo, que sempre existiram e que sempre haverá de existir, usam a vida religiosa com a intenção de ganharem dinheiro como profissionais do evangelho. Piedade neste caso é a vida religiosa e as atividades que se praticam em torna das coisas da igreja. Muitos se utilizam do ativismo religioso para praticar o comércio da fé, tirando proveito disto.

APARTA-TE DOS TAIS. O próprio Paulo dá o exemplo de um ministro do evangelho que trabalhava com as próprias mãos na fabricação de tendas para não explorar a igreja de Cristo em termos financeiro. Por isso que, ele acha sério o fato de que alguém por ser um suposto líder cristão, use tal função ou cargo para ganhar dinheiro. E o seu conselho é de que os verdadeiros servos de Cristo se aparte dos que usam do comercio da fé.

MAS É GRANDE GANHO A PIEDADE. Jesus falou que, quando alguém busca o reino de Deus em primeiro lugar a justiça divina, as demais coisas serão automaticamente acrescentadas. É justamente o que o escritor tenta dizer neste texto: Se alguém é um autêntico ministro do evangelho e faz por amor a obra de Deus e de forma voluntária, pode descansar no Senhor, porque o dono da obra lhe recompensará abundantemente.

COM CONTENTAMENTO. Basta fazer as coisas para o reino de Deus com contentamento e alegria que a recompensa vem da parte do Deus Provedor. As Santas Escrituras garantem: Portanto, não desfaleçam as vossas mãos, porque a vossa obra tem uma recompensa. Agora, se alguém faz a obra de Deus por interesse financeiro, já recebeu o seu galardão e por fim a reprovação de Cristo. Ser ministro não é uma profissão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário