Pesquisar este blog

sábado, 26 de novembro de 2016

Efésios 3:18

Efésios 3:18 - Poderdes perfeitamente compreender, com todos os santos, qual seja a largura, e o comprimento, e a altura, e a profundidade.
PODERDES PERFEITAMENTE. O escritor não mediu esforços para levar o evangelho das boas novas aos moradores da cidade de Éfeso, mostrando pela pregação quem era de fato Jesus de Nazaré, provando pelas Sagradas Escrituras que ele era o Messias prometido por Deus Pai. Agora, mesmo ausente, se dedicava por meio desta carta e de outros escritos, como as epístolas a Timóteo, para edificar a vida de todos aqueles que faziam parte da igreja do Senhor Jesus. Neste texto tem mais motivos de sua oração.

COMPREENDER. Para o apóstolo, não bastava alguém ter ouvido o evangelho poderoso de Cristo, e até certo ponto crer em sua mensagem, mas se fazia necessário, que os servos de Cristo compreendessem tudo que diz respeito ao amor de Cristo pela sua igreja amada. Essa compreensão dos mistérios de Deus por meio de Cristo é que gera o crescimento espiritual de um servo de Deus e o faz forte o suficiente para permanecer nos caminhos do evangelho, a prova disto é que muitos aceitam, mas não permanecem.

COM TODOS OS SANTOS. Os santos, neste caso, não são aqueles que foram canonizados por uma autoridade eclesiástica ou por uma instituição religiosa. Estes Santos a que se refere o autor, também não dizem respeito a pessoas que já morreram, mas sim aos servos de Cristo que estava vivos. A palavra “santo” quer dizer: Aquele que foi separado do mundo para servir a Deus e se dedicar as coisas do seu reino celestial.

QUAL SEJA A LARGURA. A largura de que? O próximo versículo diz que estas dimensões citadas pelo escritor dizem respeito ao amor de Cristo. Tanto no capítulo anterior quanto neste também que estamos comentando, Paulo vinha falando do alcance da missão de Cristo e a grandeza da graça de Deus em alcançar a todos. A aliança da lei era exclusivista somente com uma nação, chamada Israel, mas a aliança da graça é para todas as nações.

E O CUMPRIMENTO. A missão do Cristo de Deus quebrou as barreiras geográficas e o evangelho das boas novas chegava livremente a todos os povos do mundo. E o apóstolo Paulo foi quem mais recebeu iluminação, quanto a compreensão deste mistério de Deus com a igreja remida de Cristo, muito mais do que os demais apóstolos. Até porque ele ficou sendo conhecido como sendo o apóstolo enviado por Cristo ao mundo gentílico.

E A ALTURA. Os judeus eram os privilegiados que tinham direitos garantidos pela lei de receberem as promessas de Deus, porem, os gentios se sentiam excluídos destas vantagens. A vinda de Cristo proporcionou a todas as gentes, os mesmos privilégios que Israel desfrutava, e muito mais, porque as promessas da nova aliança de Deus com a igreja de Cristo vão além desta dimensão de vida, abre os céus para os remidos de Cristo.

E A PROFUNDIDADE. Todas estas dimensões citadas pelo escritor nos ensinam da imensidão do amor de Cristo pela humanidade, representando o alcance real dos efeitos de sua obra redentora em favor de todos os povos do mundo. Falar em profundidade, neste caso é dizer da grandeza ilimitada dos resultados alcançados pela propiciação feita pelo Cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo, em que foi possível a reconciliação.

Nenhum comentário:

Postar um comentário