Pesquisar este blog

sábado, 19 de novembro de 2016

Efésios 3:6

Efésios 3:6 - A saber, que os gentios são co-herdeiros, e de um mesmo corpo, e participantes da promessa em Cristo pelo evangelho.
A SABER. As revelações que Deus deu a Paulo no tocante ao mistério de Cristo com a sua igreja remida foi muito maior do que aos demais apóstolos. Porque a grupo dos doze não entenderam de princípio, que o novo Israel seria uma igreja composta de judeus e gentios, com todos os povos do mundo. É tanto que os demais apóstolos continuaram exercendo suas atividades em Israel. Paulo porem, foi enviado por Cristo para fazer missões transculturais, na Europa, Ásia e em outras partes do mundo gentílico.

QUE OS GENTIOS. Os judeus se consideravam o povo especial de Deus, por contas das alianças feitas e confirmadas com os patriarcas Abraão, Isaque e Jacó, é tanto que, eles não se juntavam com as demais nações do mundo. Os gentios, assim classificados pelos judeus eram os pagãos, ou os povos de outras nacionalidades. Os gentios também eram chamados de incircuncisos porque não participavam do ato de circuncisão que era decretado para os descendentes de Abraão. Cristo mudou tudo isso pelo evangelho.

SÃO CO-HERDEIROS. A obra de redenção realizada pelo Cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo derribou a parede de separação que havia no meio, ou seja a lei dos mandamentos, que consistia em ordenanças. Desde a implantação pelo Messias de Deus da nova dispensação da graça, que os gentios se tornaram participantes do novo pacto e isso foi possível mediante a reconciliação com Deus, onde passou a reinar a paz.

E DE UM MESMO CORPO. De acordo com a nova aliança de Deus com a humanidade, diz o evangelho da paz, que juntou-se judeus e gentios para formar o Israel espiritual de Deus, que é a igreja remida de Cristo. A igreja amada do Senhor Jesus é chamada de "corpo de Cristo", com cada um dos seus participantes chamados de membros de um mesmo corpo. Cristo é o cabeça e todos os membros da igreja formam seu corpo.

E PARTICIPANTES DA PROMESSA. Assim como na dispensação da lei continham muitas e fieis promessas aos que fossem cumpridores da legislação de Moisés. Na nova dispensação não é diferente, e de acordo com o evangelho das boas novas, quem aceitar a Cristo como Senhor e Salvador também é participante das promessas de Deus em Cristo. Estas promessas são no seu ponto mais importante a salvação e vida eterna.

EM CRISTO. Cristo é o centro de tudo, até porque foi o Cristo de Deus quem idealizou a redenção da sua igreja amada. Foi o Messias de Deus quem veio ao planeta terra e pôs em prática o plano da redenção da humanidade. Antes, o que prevalecia era a inimizade entre Deus e os gentios, mas vindo Cristo, o Emanuel de Deus, fez a propiciação dos nossos pecados, efetuando a reconciliação pela paz, tendo como resultado a salvação.

PELO EVANGELHO. A legislação de Moisés era quem continha as regras do pacto de Deus com o seu povo, Israel. Já na nova aliança de Deus com todos os povos do mundo é o evangelho que traz os parâmetros estabelecidos por Cristo. No evangelho o homem encontra o caminho a ser seguido para ter um encontro com Cristo. O evangelho é a legislação de Cristo, por meio do qual, o homem é transformado em uma nova criatura.

Nenhum comentário:

Postar um comentário