Pesquisar este blog

segunda-feira, 12 de dezembro de 2016

Efésios 4:20-21

Efésios 4:20-21 - Mas vós não aprendestes assim com Cristo. Se é que o tendes ouvido, e nele fostes ensinados, como está a verdade em Jesus.
MAS VÓS. A partir de então, o escritor muda o foco de sua mensagem, e volta a falar sobre os servos de Deus, que faziam parte da igreja de Cristo, que estava na cidade de Éfeso, como também aqueles que em todos os tempos, sempre fizerem parte da igreja espiritual de Cristo Jesus, o novo Israel de Deus. A igreja composta de judeus e gentios de todas as nações do mundo, que agora, desfrutava de plena comunhão com o Criador de todas as coisas. A igreja viva do Senhor Jesus, que também é o seu corpo na terra.

NÃO APRENDESTES. Todos aqueles que foram chamados por Cristo, para fazerem parte do seu reino e glória passaram a ser classificados de “discípulos” do Senhor Jesus. E o discípulo não faz mais a sua própria vontade, mas busca seguir as pisadas do Mestre. Aquele que diz que o conhece, esse deve andar como ele andou. O Cristo de Deus, a sua vida e ministério foi o melhor exemplo que alguém poderia deixar de quem efetivamente executou a vontade de Deus, buscando o agradar em tudo que fazia, falava e pensava.

ASSIM COM CRISTO. Apesar de não está mais presente no corpo entre os seus seguidores, mas o grande Mestre, Jesus de Nazaré, era tido por todos os cristãos domo modelo exemplar de vida a ser seguido. Os apóstolos que conviveram com o Cristo de Deus davam testemunho com poder dos ensinos transmitidos pelo mensageiro de Deus, ele que conforme disse Moisés, era "o profeta" de Deus (Deuteronômios (18:15,18).

SE É QUE O TENDE OUVIDO. Não que os leitores de Paulo tivessem ouvido pessoalmente as pregações do Senhor Jesus, porque nem mesmo Paulo, que era apóstolo chegou a acompanhar pessoalmente o ministério do Senhor Jesus. Mas, os apóstolos e líderes do cristianismo eram representantes diretos do Senhor Jesus, e assim sendo, quem ouvia a pregação de Paulo, estava recebendo os ensinos de Cristo, por revelação ou inspiração.

E NELE FOSTES ENSINADOS. Tanto os apóstolos originais do Senhor Jesus, quanto o apóstolo Paulo, não pregavam em nome próprio o evangelho do Senhor Jesus, mas eles eram autoridades eclesiásticas delegadas pelo próprio Cristo, como representantes do reino de Deus, Desta forma, quando eles pregavam ou ensinavam ou ainda quando escreviam, assim estavam procedendo por delegação da autoridade maior, Jesus Cristo.

COMO ESTÁ A VERDADE. Esta verdade a que se refere o escritor, diz respeito ao evangelho das boas novas, bem como o conjunto de doutrinas cristãs, que foram transmitidas pelo Senhor Jesus, mas também pelos apóstolos e lideranças do cristianismo primitivo. Tais verdades não procediam da mente ou pensamentos dos representantes de Cristo, mas tudo era dado por revelação ou inspiração de Cristo Jesus, aos seus servos.

EM JESUS. Para os verdadeiros líderes da igreja primitiva, tal qual o apóstolo Paulo, tudo que dizia respeito às verdades do evangelho das boas novas, tinha como fonte a pessoa bendita de Cristo Jesus. Por isso que, tudo que eles faziam ou falavam, assim procediam em nome de Cristo. As doutrinas que foram aplicadas para edificação da igreja amada de Cristo, não era produto de mentes férteis dos apóstolos, mas vinha de Cristo Jesus.

Nenhum comentário:

Postar um comentário