Pesquisar este blog

quarta-feira, 4 de janeiro de 2017

Efésios 6:1-2

Efésios 6:1-2 - Vós, filhos, sede obedientes a vossos pais no Senhor, porque isto é justo. Honra a teu pai e a tua mãe, que é o primeiro mandamento com promessa.
VÓS FILHOS. Boa parte do capítulo anterior é usado pelo apóstolo para aconselhar, ainda que em forma de exortação, aos seus leitores, quanto aos deveres e direitos das mulheres e dos seus respectivos esposos. Agora, o escritor continua focado na estrutura familiar, porem, desta feita, com recomendações para os filhos, que também tem seus deveres para com seus progenitores. Estes filhos a quem se refere o autor neste começo de tema, dizem respeito àqueles que ainda estavam sob a tutela dos seus pais.

SEDE OBEDIENTES. O grande problema nos dias de hoje, dentro dos lares, com reflexo negativo dentro da sociedade também é justamente por conta que os filhos, não mais obedecem a seu pais, e isso tem gerado uma bagunça geral, porque estamos vivendo no tempo de uma geração de filhos rebeldes. Em todas as culturas, até nas mais antigas das civilizações que se exige este comportamento de obediência dos filhos aos seus progenitores, principalmente das crianças, adolescentes e jovens, que são inexperientes.

A VOSSOS PAIS. A obediência dos filhos aos seus pais é uma questão de gratidão, e isso porque, os pais, desde a geração e durante todo o tempo de criação de um filho, os pais tem muito trabalho e cuidados para com seus filhos. Nenhum pais ou mãe verdadeiros querem o pior para os seus filhos, neste sentido, os seus conselhos são sempre para levar os filhos por bons caminhos na vida, coisa essa que poucos entendem de seus pais.

NO SENHOR. Paulo deixa transparecer neste ponto do texto, que esta não era uma recomendação de cunho particular da sua parte, mas que como representante do reino de Cristo e embaixador de Deus, ele falava e escrevia em nome do Senhor. O Senhorio de Cristo já era previsto antes mesmo de sua manifestação como o Messias de Deus, porque seria o descendente de Davi, Cristo que é Rei dos reis e Senhor dos senhores.

PORQUE ISSO É JUSTO. Não se tem como calcular todos os benefícios que um pai e uma mãe produzem para um filho, desde os primeiro momentos de sua existência, até o final da vida. Até mesmo nas sociedades pagãs, isso é regra de cunho moral e social, o reconhecimento que se faz, dos benefícios que os pais trazem para seus filhos. No judaísmo isso era lei, e no cristianismo é mandamento e ordenança do evangelho.

HONRA TEU PAI E A TUA MÃE. O escritor se refere ao que está escrito na legislação de Moisés, quanto aos deveres dos filhos para com seus pais (Êxodo 20:12), o que passou a ser adotado pelo cristianismo como algo bom e justo. Honrar neste caso é ter respeito, consideração, reverência e todos os demais sentimentos positivos, que sejam justos e na medida certa, em gratidão por tudo àquilo que os nossos progenitores fazem por nós.

QUE É O PRIMEIRO MANDAMENTO COM PROMESSA. Quando o escritor afirma que é o primeiro mandamento é porque na relação dos dez mandamentos da legislação de Moisés, este de honrar aos pais é o primeiro da lista. E quando se diz que este é um mandamento com promessa, é que, conforme a lei de Moisés, o filho que honrasse seus pais, ganhava a promessa de ter vida longa sobre a terra, o que é válido nos dias de hoje.

Nenhum comentário:

Postar um comentário