Pesquisar este blog

terça-feira, 7 de fevereiro de 2017

Gálatas 3:1

Gálatas 3:1 - Ó insensatos gálatas! quem vos fascinou para não obedecerdes à verdade, a vós, perante os olhos de quem Jesus Cristo foi evidenciado, crucificado, entre vós?
Ó INSENSATOS. O apóstolo dos gentios inicia este capítulo três de sua carta, de maneira dura contra os seguidores do cristianismo da Galácia. Prontamente se verifica a decepção do apóstolo com seus leitores, eles que foram convertidos por meio das atividades evangelísticas de Paulo, mas que neste momento estavam se deixando levar por outras doutrinas, que não eram aquelas ensinadas pelo apóstolo. O escritor lhes classificam de insanos, sem nenhum entendimento, por deixarem a graça de Cristo pela lei de Moisés.

GÁLATAS. O autor não esta se referindo a uma só comunidade cristã de uma cidade, até porque a Galácia era uma região que ficava do Centro Norte da Ásia Menor, onde hoje fica a Turquia Asiática. Ao que tudo indica, não foi somente na igreja da Antioquia, que as doutrinas legalistas da igreja de Jerusalém haviam chegado, mas segundo podemos deduzir dos relatos deste texto, as lideranças de Jerusalém estavam atuando em toda região. O acordo que foi celebrado entre Paulo e os líderes de Jerusalém, foi quebrado.

QUEM VOS FASCINOU. Paulo usa uma linguagem que para os dias de hoje seria o seguinte: Quem vos enfeitiçou? Ou quem vos hipnotizou? Ao ponto de vos tornarem incessíveis as verdades do evangelho? A verdade é que os gentios convertidos ao cristianismo por meio das atividades evangelísticas de Paulo, se deixaram levar pela dissimulação dos legalistas de Jerusalém, ao ponto de se tornarem judaizantes.

PARA NÃO OBEDECERDES A VERDADE. Paulo, como missionário de Cristo enviado aos gentios de todo o mundo da sua época, quando chegava a uma nova cidade para pregar o evangelho da graça de Deus e a fé em Cristo Jesus, enquanto não fundava uma nova comunidade cristã, de tal cidade não saia, enquanto não doutrinasse os novos convertidos, até que se tornassem maduros na fé, como foi o caso das igrejas da Galácia.

A VÓS, PERANTE OS OLHOS DE QUEM. Os leitores do apóstolo eram conhecedores das doutrinas ensinadas pelo escritor, mas que estavam desobedecendo aquilo que haviam aprendido. Foram todos bem instruídos sobre a nova aliança de Deus, implantada por Cristo Jesus, como sendo o pacto da graça de Deus com os gentios, para formar um novo Israel espiritual, que é a igreja remida de Cristo, com todas as nações do mundo.

JESUS CRISTO FOI EVIDENCIADO. Desde os primeiros momentos da presença de Paulo e os seus amigos de ministério naquela região, que os missionários haviam ensinado sobre o valor da morte de Cristo Jesus, no tocante a aliança da graça com os gentios. Principalmente em suas campanhas evangelísticas, o autor buscou frisar bem que, a morte expiatória de Cristo, foi justamente para libertar as pessoas da lei de Moisés.

CRUCIFICADO, ENTRE VÓS? Não que o Cristo de Deus tivesse sido crucificado lá na região da Galácia, porque de fato ele foi crucificado na cruz do Calvário. Mas, o que Paulo desejava explicar era de que, ele expos com riqueza de detalhes para os seus leitores o valor real da propiciação feita pelo Cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo, em prol de sua igreja remida. Desprezar isso era uma questão de insensatez e loucura.

Nenhum comentário:

Postar um comentário