Pesquisar este blog

terça-feira, 28 de fevereiro de 2017

Gálatas 6:2-3

Gálatas 6:2-3 - Levai as cargas uns dos outros, e assim cumprireis a lei de Cristo. Porque, se alguém cuida ser alguma coisa, não sendo nada, engana-se a si mesmo.
LEVAI AS CARGAS. Em linhas gerais, o Novo Testamento, em se tratando de relacionamento fraternal, sua mensagem é de união e amizade entre aqueles que faziam parte do povo de Deus. A igreja primitiva em todas as regiões precisava se unir em termos de propósitos, porque a sobrevivência do cristianismo em seus começos serviria de exemplo para toda a história da nova religião. O fundador do cristianismo deixou o seu próprio exemplo disto e também os seus ensinos voltados para o amor fraternal.

UNS DOS OUTROS. Levar as cargas uns dos outros, neste caso, era suportar uns aos outros com longanimidade, com temperança e benignidade sempre. O momento era difícil para todos que pertenciam ao cristianismo. As forças opostas estavam se articulando para dividir o povo de Deus. Diante de tudo isso, os seguidores do Senhor Jesus precisavam unir as mãos em atos contínuos de amor fraternal, no sentido de ajudar uns aos outros a superarem os desafios impostos pelo fato de serem pessoas de Deus.

E ASSIM CUMPRIREIS A LEI DE CRISTO. Os leitores de Paulo não precisavam mais cumprir as exigências da lei, e isso ele deixou bem claro dentro dos seus ensinos transmitidos nesta belíssima carta. Agora, eles precisavam mesmo era cumprir a lei de Cristo, que tem o seu princípio básico na lei do amor. No tocante aos relacionamentos humanos, Jesus deixou seu ensino de que, devemos amar o nosso próximo como a nos mesmos.

PORQUE SE ALGUÉM PENSA. Novamente o escritor volta a atacar aqueles que mentalizavam de que, eram mais importantes do que os outros, simplesmente por ocuparem posições de destaques diante da comunidade cristã. O grande perigo para uma suposta liderança é quando o poder lhe sobe a cabeça e tal pessoa começa a pensar que pode substituir a Cristo, como cabeça da igreja ou do rebanho de Deus.

SER ALGUMA COISA. Quando o orgulho sobe a cabeça de alguém, e por conta de ocupar posições privilegiadas, a prepotência toma conta da mente, o líder começa a tomar decisões predominantemente humanas nas coisas de Deus, quando na verdade, a administração da obra de Deus tem que ser feita pela direção do Espírito Santo. Quando se diz que, o Espírito Santo é o Alto Ego de Cristo, se fala em legítima representatividade.

NÃO SENDO NADA. Por si só, ninguém é nada e humanamente falando, ninguém representa nada comparado ao dono da igreja que é Cristo Jesus. A posição ou cargos elevados que alguém vem a ocupar, Deus é quem chama e capacita, até porque os dons espirituais e ministeriais são do Espírito Santo e não de homem algum. Tudo é de Deus e para glória do nome de Cristo, isso porque, nas coisas de Deus, o homem não tem nada.

ENGANA-SE A SI MESMO. Ser um líder do povo de Deus e terminar bem os seus serviços em prol do reino de Cristo, somente com muita sabedoria, porque uma grande parte dos que ocupam posições de destaque na igreja, terminam por pensar que estão ocupando tais posições, pelas suas próprias capacidades ou habilidades, quando não é. Neste caso, enganar-se a si mesmo é pensar que é importante, quando não é, importante é Deus.

Nenhum comentário:

Postar um comentário