Pesquisar este blog

quarta-feira, 29 de março de 2017

Hebreus 4:15

Hebreus 4:15 - Porque não temos um sumo sacerdote que não possa compadecer-se das nossas fraquezas; porém, um que, como nós, em tudo foi tentado, mas sem pecado.
PORQUE NÃO TEMOS. A igreja de Cristo tem tudo que precisa para ser abençoada pelo trono da graça, uma vez que, quem é o Sumo Sacerdote dos remidos do Senhor, está assentado à destra de Deus e intercede pelos seus servos. Além do mais, o Cristo de Deus conhece os seus escolhidos (João 15:16) e sabe perfeitamente do que todos precisam, até porque ele é Deus e conhece todas as coisas. Já os sumos sacerdotes da antiga aliança eram falhos em suas ministrações porque eram pessoas limitadas e fracas.

UM SUMO SACERDOTE. Jesus também era o Cristo, e como tal, ele era o enviado e ungido Sumo Sacerdote pelo povo diante de Deus. De acordo com a antiga aliança, Arão foi constituído como sumo sacerdote com a sucessão dos seus descendentes, que foram muitos, como intercessores entre o povo e Deus. Cristo é superior, porque na nova dispensação ele se posicionou como único Sumo Sacerdote, até porque a morte não tem poder sobre ele, portanto, ele permanece para sempre como nosso intercessor.

QUE NÃO POSSA COMPADECER-SE. Cada sumo sacerdote da antiga aliança agia de uma maneira, em que alguns eram mais aplicados à causa do povo, mas outros um tanto relapsos quanto as suas atividades em ajudar ao povo diante de Deus. Mas o Sumo Sacerdote da igreja, que é Cristo Jesus, quando esteve exercendo seu ministério na terra deu plena demonstração do quanto era compassivo pelas causas dos seus remidos.

DAS NOSSAS FRAQUEZAS. Na antiga aliança, os sumos sacerdotes, mesmo sendo cheios de fraquezas, mas nem todos eram complacentes para com todos, porque o ser humano age muito por interesses pessoais. No entanto, o nosso Sumo Sacerdote nunca faz acepção de pessoas, sempre que um dos seus servos recorre a ele, o Senhor Jesus intercede ao Pai em favor dos seus. Sempre que necessário ele se interpõe por nós.

POREM, UM QUE. Por que o Senhor Jesus entende a causa e a necessidade de cada um dos seus servos? Porque ele passou pelas mesmas provações e tentações que os seus seguidores passam todos os dias de suas vidas. O autor está chamando a atenção dos seus leitores quanto à importância de Cristo para a sua igreja, como Sumo Sacerdote que intercede diante de Deus pelos seus seguidores, isso porque ele é misericordioso.

EM TUDO FOI TENTADO. Não há nada de difícil que nós passamos nesta vida, que o Senhor Jesus não tenha passado também. O nosso Mestre não teve uma vida nada fácil, pelo contrário, a todo o momento ele estava sendo tentado a falhar em sua missão, até porque, se Jesus tivesse falhado em sua missão, toda a humanidade teria sido prejudicada, de forma que, sua responsabilidade foi imensamente grande na terra.

MAS SEM PECADO. A doutrina da impecabilidade de Cristo é defendida em toda a extensão do Novo Testamento, como alguém que cumpriu fielmente todas as exigências da lei de Deus, por isso que ele não pecou, não falhou nem errou. Por ser perfeito em tudo é que ele conquistou o título de Sumo Sacerdote de Deus, que está diante do trono da graça intercedendo por nós, e nisto a igreja remida é beneficiada em tudo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário