Pesquisar este blog

domingo, 2 de abril de 2017

Hebreus 5:13-14

Hebreus 5:13-14 - Ora, todo aquele que se alimenta de leite é inexperiente na palavra da justiça, porque é criança. Mas o alimento sólido é para os adultos, para aqueles que, pela prática, têm as suas faculdades exercitadas para discernir não somente o bem, mas também o mal.
ORA, TODO AQUELE QUE SE ALIMENTA DE LEITE. Continua o escritor com sua metáfora, explicando sobre a fraqueza na fé dos seus leitores e o desinteresse deles em buscarem a maturidade espiritual. Isso se ver muito nos dias de hoje, em que as igrejas estão cheias de pessoas vazias. No texto anterior o autor fala sobre a dependência dos destinatários desta carta de outros mestres que lhes ensinem, quando já deveriam ser eles mestres.

É INEXPERIENTE NA PALAVRA DA JUSTIÇA. O seguidor do Senhor Jesus que não busca desenvolver seus talentos na obra de Deus, vai sempre depender dos outros, como se fosse criança recém-nascido e nunca vai alcançar o pleno amadurecimento na fé. A responsabilidade agora é individual, e cada um tem que procurar os dons espirituais e ministeriais crescendo em conhecimento da palavra de Deus. Podemos assegurar que a palavra da justiça é o evangelho das boas novas de Cristo, que fala da graça de Deus.

PORQUE É CRIANÇA. A criança por ser inocente e por não ter experiência de vida, vive sempre dependendo dos outros, e vez por outra termina caindo e se machucando. Da mesma forma são aqueles que não se desenvolvem espiritualmente, mais sedo ou mais tarde se deixam levar por qualquer vento de doutrina, e por fim terminam se desviando dos caminhos do evangelho. O escritor deseja que os seus leitores se firmem na fé, até porque este mesmo tempo era difícil para igreja primitiva, que era muito perseguida.

MAS O ALIMENTO SÓLIDO É PARA ADULTOS. Para muitos dos dias de hoje, esta carta aos Hebreus é de difícil compreensão. Mas para o escritor, ele não tinha nenhuma dificuldade em explicar estes temas, como também para os seus leitores, eram assuntos bem conhecidos. Assim sendo, o escritor avisa aos seus leitores que não estava discutindo assuntos mais profundos porque eles ainda eram imaturos espiritualmente.

PARA AQUELES QUE PELA PRÁTICA. Esta prática a que se refere o escritor diz respeito à busca constante das coisas de Deus, como o próprio Jesus recomendou que seus discípulos devem buscar o reino de Deus em primeiro lugar, e Paulo recomendou que os servos de Deus devem buscar as coisas que são de cima, até porque ninguém tem como servir a dois senhores, porque vai agradar a um e desagradar ao outro.

TEM AS FACULDADES EXERCITADAS. A vivência com as coisas do reino de Deus, como o estudo da palavra do Senhor, a meditação nas coisas que são de cima, a intensa vida de oração e a prática do amor fraternal é que gera a maturidade espiritual e o desenvolvimento nos dons espirituais e ministeriais. Ninguém tem como ser um pregador ou ensinador da palavra de Deus, sem se dedicar ao estudo das Escrituras. Isso é fato.

PARA DISCERNIR NÃO SOMENTE O BEM, MAS TAMBÉM O MAL. Quem tem profundo conhecimento das Escrituras Sagradas e quem busca fazer em tudo a vontade de Deus, diz o evangelho, que ele discerne bem a tudo e a todos, mas por ninguém é discernido, porque passa a ser um mistério na presença de Deus. Quem não em maturidade espiritual é como uma criança, que não sabe discernir o que é certo nem o que é errado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário