Pesquisar este blog

quinta-feira, 18 de maio de 2017

Hebreus 10:13-14

Hebreus 10:13-14 - Daqui em diante esperando até que os seus inimigos sejam postos por escabelo de seus pés. Porque com uma só oblação aperfeiçoou para sempre os que são santificados.
DAQUI EM DIANTE ESPERANDO ATÉ QUE. Este trecho tem paralelo em 1 Coríntios 15:25-28 - Porque convém que reine até que haja posto a todos os inimigos debaixo de seus pés. Ora, o último inimigo que há de ser aniquilado é a morte. Porque todas as coisas sujeitou debaixo de seus pés. Mas, quando diz que todas as coisas lhe estão sujeitas, claro está que se excetua aquele que lhe sujeitou todas as coisas. E, quando todas as coisas lhe estiverem sujeitas, então também o mesmo Filho se sujeitará àquele que todas as coisas lhe sujeitou, para que Deus seja tudo em todos.

OS SEUS INIMIGOS. O autor se reporta ao Salmos 110:1 - Disse o Senhor ao meu Senhor: Assenta-te à minha mão direita, até que ponha os teus inimigos por escabelo dos teus pés. Estes inimigos de Cristo, que também são inimigos de Deus e inimigos ainda dos filhos dos homens são, o diabo com seus demônios, a morte que é o último inimigo e todos aqueles que se posicionam contra os planos do Criador de todas as coisas.

SEJAM POSTOS POR. Desde a queda da raça humana, que está em curso muitas batalhas espirituais de Deus contras as forças opostas, com o objetivo de vencer toda forma de mal que se estalou na terra. A vinda do Messias de Deus, Jesus Cristo foi um golpe fatal contra os adversários do reino de Deus, e a sua ressurreição mudou o curso dos fatos, e com sua exaltação a destra de Deus, lhe conferiu poder para vender todos os inimigos.

ESCABELO DOS SEUS PÉS. Esta colocação do escritor sinaliza para a superioridade de Cristo sobre tudo e sobre todos. Deus exaltou soberanamente a Cristo e lhe deu um nome que é sobre todo o nome, para que ao nome de Cristo se dobre todo joelho dos que estão nos céus, na terra e debaixo da terra, e toda língua confesse que ele é o Senhor.

PORQUE COM UMA SÓ OBLAÇÃO. A oblação nos fala do oferecimento de sacrifícios a Deus com propósitos bem definidos. Os sacerdotes da antiga aliança ofereciam tais oblações para agradar ao Senhor. O sacrifício expiatório do Cordeiro de Deus foi completo e suficiente para atender os requisitos determinados por Deus, no sentido de servir como expiação e propiciação pelos pecados de toda a humanidade que estava perdida.

APERFEIÇOOU PARA SEMPRE. Os sacrifícios, holocaustos, ofertas e oblações do antigo pacto, conforme a lei de Moisés, aliviavam o peso da consciência dos participantes das cerimônias e rituais judaicos. Mas não resolvia o problema da culpa perante a justiça divina. Porem, a obra de redenção feita por Cristo aperfeiçoou os que se chagam a Deus, porque o caminho de acesso ao perdão do Pai foi aberto por Cristo, removendo o véu.

OS QUE SÃO SANTIFICADOS. Os rituais e celebrações da lei purificava superficialmente a consciência dos participantes, mas não santificava. A purificação remove algo que existe, porem, a santificação além de tirar os pecados já praticados, com seus efeitos negativos, ela aperfeiçoa a alma do ser humano, pela regeneração rumo a justificação e glorificação. A santificação implanta no remido de Cristo, as virtudes positivas de Deus nosso Pai.

Nenhum comentário:

Postar um comentário