Pesquisar este blog

sexta-feira, 12 de maio de 2017

Hebreus 9:26

Hebreus 9:26 - De outra maneira, necessário lhe fora padecer muitas vezes desde a fundação do mundo. Mas agora na consumação dos séculos uma vez se manifestou, para aniquilar o pecado pelo sacrifício de si mesmo.
DE OUTRA MANEIRA, NECESSÁRIO LHE FORA PADECER. Se a expiação de Cristo seguisse o mesmo modo pelo qual era feito pelos sumos sacerdotes da antiga aliança, em que todos os anos, no dia da expiação, se oferecia sacrifícios para remissão dos pecados. Se o sacrifício de Cristo fosse seguir estas recomendações da lei, então ele teria vindo muitas vezes ao mundo, para ser morto em um ato de propiciação. Mas Deus não quis assim, antes ele determinou que Cristo padecesse uma única vez para tirar o pecado do mundo.

MUITAS VEZES DESDE A FUNDAÇÃO DO MUNDO. Na verdade, que já no Jardim do Éden quando da queda da raça humana por meio de Adão e Eva, o Criador prometeu a redenção (Gênesis 3:15). E esta redenção não teve cumprimento com os atos de expiação realizados no tabernáculo, quando os sumos sacerdotes entravam para interceder pelo povo. Mas em Cristo sim, porque ele pagou o preço do resgate pela humanidade.

MAS AGORA. Este agora, se refere à entrada do Messias de Deus no mundo, há mais de dois mil anos atrás, para idealizar a verdadeira redenção da humanidade. Muitos comentaristas bíblicos, bem como grande parte dos teólogos defendem que, a morte expiatória de Cristo teve efeitos positivos até para aqueles que viveram nos tempos mais remotos da humanidade. Este agora, também aponta para a nova dispensação da graça.

NA CONSUMAÇÃO DOS SÉCULOS. Os escritores dos tempos da igreja primitiva não enxergavam o hiato de tempo que haveria entre a primeira vinda de Cristo, como homem, e a sua segunda vinda para o arrebatamento da igreja. Além do mais, eles achavam que já estavam nos fins dos dias, o que neste ponto, o escritor chama de consumação dos séculos. A igreja de hoje também acredita que estamos neste tempo.

UMA VEZ SE MANIFESTOU. O autor fala da primeira vinda do Cordeiro de Deus para tirar o pecado do mundo. Não foi necessário o Cristo de Deus se manifestar várias vezes, nem ser sacrificado muitas vezes, como acontecia com a expiação realizada pelos sumos sacerdotes, no dia da expiação. Mas a obra de propiciação de Cristo foi suficiente para que feita a redenção, não mais fosse necessário se repetir os seus sofrimentos.

PARA ANIQUILAR O PECADO. Desde a queda da raça humana, que o grande problema da humanidade sempre foi o pecado com suas consequências. Cristo se manifestou uma única vez, para aniquilar o pecado e tornar nulas suas consequências. Agora, quem está em Cristo, quem vive para Cristo e com Cristo, o pecado já não tem domínio sobre ele, isso porque, Cristo baniu os efeitos condenatórios do pecado sobre a alma dos remidos.

PELO SACRIFÍCIO DE SI MESMO. Os sacerdotes faziam sacrifícios continuamente de animais e o sumo sacerdote entrava no santo dos santos com o sangue de um bezerro e de um cordeiro pelos pecados do povo. Mas o Cordeiro de Deus resolveu definitivamente o pecado da humanidade, com o sacrifício de si mesmo. Não foi com sangue de bezerros nem de bodes, mas ele deu a sua própria vida para nos redimir dos nossos pecados.

Nenhum comentário:

Postar um comentário